30.11.2003

Da série pérolas das maninhas...

Domingo de madrugada (09:00hs) toca o telefone:
- Alô.
- Me diz uma coisa...
- Fala, Renata?
- ... só pra eu entender a novela mexicana: quem é Henrique?
por Ro, às 17:28 de 30.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

28.11.2003

Todos são leitores testemunhas de que desafiei para um duelo honesto quem se atrevesse a chegar perto dele.

Agora vocês vejam como é a vida: a bisca que aqui escreve insinua-se descaradamente pra ele, de forma adultera e safada, como bem observou a Fal, conversando MAIS DE UMA HORA pelo telefone. Fora os e-mails, msn, icq, cartas perfumadas, tambor, sinal de fumaça e o escambau.

E o que dizer dele, o biltre, cretino, galinha, mentiroso? Deixa beijos só pra mim neste blog, faz um post pra me mandar mais beijos, e-mails espetaculares, galanteios nos comentários. Tudo falso! Na verdade ele só quer saber dela. Tá me usando para provocar ciúme na traidora de amiga. Tarado, quer ficar com as duas e ao mesmo tempo. Pode passar lá e pegar um selinho do Canalha.

Cambada de sem vergonhas!!!

Vou pra Brasília estudar geografia e cuidar de tulipas, porque lá é o meu lugar.
por Ro, às 23:15 de 28.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Quem nunca passou pelas mãos do Miguel, não sabe o que é ter sobrancelha. Tem, na melhor das hipóteses, uns tufinhos de cabelo logo acima dos olhos.

Saí de lá há meia hora e tô assim, ó:


DIVINA!

por Ticcia, às 14:45 de 28.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Fui tocada pelo dedo de deus!


Misteriosamente, milagrosamente, inacreditavelmente estou de dieta desde segunda e hoje pela manhã constatei a dimunuição de


1,2kg!



YES. YEAH. OUI. SI.


Sim, é verdade que ingeri em média 850 cal/dia. O milagroso é eu estar firme e forte há 5 dias. nenhum deslize e a fome tá sob controle. Desconfio que é adrenalina. Estado de graça, tá ligado?


Obrigada, Nossa Senhora dos Pneus que Diminuem!


por Ticcia, às 12:10 de 28.11.2003 - Categoria: Dieta
Ver Comentários

Hoje a maratona foi algo de.


Retomei a dieta na segunda e tenho a comunicar a Vossas Excelências que já foram-se 800g deste corpicho. Sim, sim, sim. Quando a gente menos espera é que a gente tira forças sabe-se deus de onde pra abrir os olhos e fechar a boca.


Mas até aí, nada. Depois de ter dormido pouco, trabalhado desde cedo, enfrentado uma maratona de três horas com a outra fulaninha que escreve neste blog (logo contaremos do que se trata, mas já adianto que não tem nenhuma conotação sexual), eram duas da tarde.




Tô meio zonza!



A minha fome estomacal já tinha passado. Restava a fome na forma dor de cabeça. Tinha que voltar para o escritório, onde 33 recursos inominados me esperavam, mas não. Não voltei pro escritório. Rô encasquetou que tava com fome, precisava almoçar. Sim, agora, imediatamente. E sabem onde? Sabem? Sabem?


NUMA CHURRASCARIA.




Moço, pra mim só o enfeitinho

de pimentão e salsa!



É. Acharam cruel? Não viram nada. A meliante comeu picanha, maminha, vazio, entrecot, coração de frango, lombinho. Tudo na minha frente. Eu? Nem aí. Firmão. Uma sobrecoxa sem pele, salada, duas colheres de arroz, uma de feijão.


Paguei a exorbitância de DEZ REAIS por esta frugal refeição. Minto. A refeição custou R$ 4,00. Os outros R$ 6,00 foram o couvert do espetáculo de ver a fulana se refestelando na carne gorda.


Nada me tira da cabeça que foi retaliação por eu ter recebido um certo telefonema ontem, de uma hora, de um certo blogueiro aí.


Despeito, meus caros, depeito. Mas eu resisti.


EU RESISTI!




Ticcia, queimada do sol,

depois da maratona contra

a fome.


por Ticcia, às 01:21 de 28.11.2003 - Categoria: Dieta
Ver Comentários

27.11.2003

Da série correspondência secreta...


"De:

Para: Roberta

Assunto: Re: aula de quinta

Menina Maluquinha,


1. Confirmo desde já minha presença no teu niver.

2. Estou providenciando desde já um exemplar do Caderno Donna. Não quero ficar por fora.

3. Tu e tua amiga deveriam ser colunistas de jornal e/ou revista.

4. Quando vais posar nua?

5. Beijos"


por Ro, às 19:02 de 27.11.2003 - Categoria: Correspondência Secreta
Ver Comentários

Da série descobrindo uma nova mulher em você...

Eu e o Lord estamos tentando manter a rotina de uma vez por semana ele jantar o prato que eu cozinhar.
Nunca na vida fui chegada em cozinha. Aliás, Dona Margaret não me deu a luz pra ser dona de casa: "minhas filhas vão ser independentes". Chova ou faça sol, sigo estudando sempre.
Mas aos quase trinta descobri o prazer de ir ao supermercado garimpar codimentos, pensar o cardápio, inventar pratos diferentes, provar vinhos, escolher a sobremesa.
Chegar em casa mais cedo, Norah Jones, dar uma geral, Tony Bennett, cortar os temperos, Ella Fitzgerald, uma taça de vinho, Leonard Cohen, preparar o molho, Tom Jobim, tomar banho, John Pizzarelli, óleos e perfumes, Henri Salvador, arrumar a mesa, Vinicius de Morais, esperar ele chegar perfumada e com a janta quente.
Essa história de brincar de mulherzinha tá me fazendo um bem!
por Ro, às 12:25 de 27.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

26.11.2003

Conta no vermelho
Aumento do Aluguel
Fome
Dor de cabeça
Audiência em Gravataí
Carro na oficina
Unha quebrada
Celular mudo
Para completar, um senhor gosmento, asqueroso e fedido, de aproximadamente 97 anos, me canta com o repertório mais baixo de que se tem notícia assim que desço do ônibus.


Totooooosa!


E, SURPRESA, eu até ri da situação.

Um psiquiatra, por favor.



por Ticcia, às 21:29 de 26.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários




Da série PARÂMETROS IRREAIS


Halle Berry



Por quê, meu Deus? POR QUÊ?!

por Ticcia, às 21:22 de 26.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Histórias de Dieta 3:

- Tia Bi, adoro tanto te abraçar, você é tão fofinha e quentinha.

Assim sendo, com autorização do belo Eurico, vamos à segunda fatia de bolo, hohohohoho!!

por Fal, às 21:16 de 26.11.2003 - Categoria: Dieta
Ver Comentários

25.11.2003

Ponto 1: Segunda-feira, chova ou caia canivete, às 9hs, dona Roberta tem horário na manicure. Não há a menor possibilidade de eu passar a semana com as unhas maltratadas.

Ponto 2: O Lord quer me levar para jantar num restaurante copo e talher, hoje à noite.


Coisa fina, meus caros! Coisa fina.


Ponto 3: Dias atrás, Ticcinha and I resolvemos fazer compras juntas, como sóe acontecer. Gostamos do mesmo vestido, mas considerando que ela viu primeiro, ficou com a opção de preferência. Comprou. Para não perder a viagem, gastei uma pequena fortuna em bijus. Pois bem, ontem, a pedra de um dos anéis, lindíssimo, caiu. Resolvi colá-la, hoje pela manhã. Ocorre que a maldita Super Bonder não consegue pingar uma única gota. A boca do tubo de cola é praticamente uma gamela e teimou em não me obedecer, a mal educada.
Já fiz de tudo: esfreguei os dedos com Bom Bril, escaldei com água fervendo, arranquei parte da cola com o alicate de cutícula e nenhuma alternativa funcionou. Meus dedos estão parecendo mãos de estivador de tão ásperos. Nada consegue remover a maldita Super Bonder debaixo das minhas unhas.


Ideal para amaciar suas mãos...


Ponto 4: No almoço de hoje, quando contei o sucedido pra uma certa fulaninha que escreve neste blog, e mostrei o resultado, ainda tive que ouvir: "Como é que tu conseguiu, descordenada? Esmalte grudento tá na úúúúltima moda, retardada!"


Da próxima vez, use a cola adequada, queridinhaaaa!


Como vou segurar a taça de champagne??? Sou uma mulher chique: papai do céu, hellooooooo!!!



OBS IMPORTANTE: Este post foi consertado por Ticcia, que recebeu um telefonema da cara-de-pau abaixo assinada, dizendo "Amor, tu podes consertar o blog? Eu desconfigurei tudo!" Não, ela não é descordenada. Imagina. Ticcia é que a criatura mais injusta sobre a face da Terra. Humpf.
por Ro, às 17:05 de 25.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários


Meu Mundo Caiu


Maria Rita, minha ídala, coisa mais linda, roliça, graciosa, charmosíssima.

Lembram que eu tinha eleito a moça minha Musa? Feliz que eu tava. Depois de encarar anos de complexo por causa dos meus braços gordinhos, a estrela em ascenssão redimiria meus complexos. Yes, nós temos braços. Fofa is beautiful e coisas do gênero. Rô tinha inclusive cometido a insanidade de dizer durante o show que os braços dela eram mais gordinhos que os meus. Uia. Diliça.

Qual não é a minha surpresa barra decepção quando soube que a infame tá GRÁVIDA. Grávida, meu povo! Embuchadinha da Silva. Pudera. Braços mais gordos que os meus. Prenha. Só podia. Arrrrrrrrgh!!! ÓDIO.


"Tô fofa, sim, mas eu tô recheada, e você? Hein?
O teu é pra quando?"


BUÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁÁ.

por Ticcia, às 12:05 de 25.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

24.11.2003

Sim, ela é loira natural e não precisa fazer dieta.

Sim, ela tem olhos azuis e não é miope.

Sim, ela malha três vezes por semana há dez anos.

Sim, ela é politizada e fala francês.

Sim, o marido dela é o homem da SUA vida.

Sim, secretamente você deseja que ela morra.
por Ro, às 14:43 de 24.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Histórias de dieta 2:


Almoço: bife com batata frita, coca-cola e pudim de leite.


Jantar: Salada e culpa



Nada como refeições balanceadas e saudáveis.
por Fal, às 02:23 de 24.11.2003 - Categoria: Dieta
Ver Comentários

23.11.2003

Manual Prático

para Bofes Bem

ou MPB2



Capítulo III - Roupas


O subtítulo deste capítulo deveria ser Minimizando risco, impressionando as mulheres.


A regra básica para quem não entende de moda é NÃO OUSE. É isso. Se tá em dúvida, não arrisque. Entre fazer o visual moderno descoladézimo e arriscar passar vexame com a roupa mais uó do mundo e passar despercebido, fique com a última opção.


Como se vestir decentemente é um sério problema para qualquer bofe!


Aliás, tem até uma brincadeira gay que explica homem bonito e jeca: é bofe, né, queridinha! Mas se você está lendo esse manual é porque quer trocar sua condição de bofe uuuóóóóó pela de bofe bem e a gente está aqui para dar uma forcinha.


Bofes não vieram com o senso estético de fábrica das mulheres ou dos gays. Não têm o menor senso de proporção nem de combinação de cores. São praticamente daltônicos. Não sabem diferenciar cores absolutamente distintas como bege, areia, marfim, creme e caramelo. Portanto, não se meta de pato a ganso. Aceite sua condição desprivilegiada no que diz respeito a bolar um visual e não banque o bam-bam-bam.


O que atrapalha não é o cara que não se veste no último grito da moda, mas aquele que sai por aí vestido de jeca. É isto que estamos aqui para tentar evitar, meu amigo. Aquele constrangimento de a gente marcar um encontro com vocês no cinema e vocês aparecerem de camisa meio social xadrez azul e branca, calça bege, cinto marrom, meia azul marinho e sapato preto.




Num cinema, pertim docê!



BLERGH! Deu pra sacar?


Lá vão as dicas básicas.


Cores - para não errar, tente ficar em variações de tons da mesma cor. Tons de azul, tons de bege/marrom, tons de verde e use uma única peça de outra cor, tipo calça caqui, camisa bege e casaco verde. Importante: NUNCA a peça de outra cor é o sapato (Vide item sapato). Evite uma cor só sem variação alguma de cor, tipo totalmente de preto, totalmente de branco, pra não parecer urubu ou pai de santo.


Camisas - todo bofe que se preze joga uma toalha de mesa xadrez sobre o corpo e acha que está vestido. Surpresa baby: não está!


Se você não faz o estilo caubói de rodeio, aposente todas as 37 camisas xadrez que tem no seu armário ou só use-as na festa junina, fantasiado de Chico Bento. De xadrez, só as bibas saberão diferenciá-lo de um espantalho. De agora em diante, só compre camisas neste estilo se a sua namorada, ou o seu melhor amigo gay, estiverem junto.




Sai deste corpo

que não te pertence!



De preferência, use camisas lisas, de acordo com o seu tom de pele e os olhos. Os estampados ficam lindos, mas tem que ser descolado pra saber como combinar. Se você é bofe, podemos partir do pressuposto que vai acabar exagerando. Então, a regra básica é não invente e não cairá no ridículo. Por exemplo, se você for alemão, a probabilidade do seu tom de pele ser avermelhado é grande, logo, não compre camisas rosa, cereja, carmim, lilás, uva ou qualquer outra cor da família dos vermelhos: vai parecer uma berinjela. Se você tiver a pele amarelada, não use caramelo, bege, manteiga. Prefira os tons de azul ou vermelho. Compreenderam?


Branco: SEMPRE. Qualquer bofe fica bem de branco. Preto: SEMPRE: Qualquer criatura viva fica chique de preto. Só cuide para não parecer segurança de boate. Mire-se no Brad Pitt, querido, e vai ser barbada!



Sapato - por que todo bofe gosta de usar sapato caramelo, com cinto combinando? O dilema deve ser combinar o sapato com a roupa e não SÓ o sapato com o cinto.


NUNCA use sapatos coloridos, bicolores, etc. O risco é enooooorme. Prefira os de uma única cor. Sapato é preto ou marrom. Não invente. Quando muito um sapato caramelo e olhe lá (nunca com calça preta ou azul marinho, nunca pode chamar atenção).


Tênis coloridérrimos ou fosforescentes só se você é o Guga. Você é o Guga? Não? Então esquece. Fique com os preto/cinza, brancos discretos, quando muito um verde escuro ou azul marinho.



Meia - pelamordedeus, meia é da cor do sapato ou da cor da calça. Não há exceção. NUNCA. Sapato preto: meia preta. Sapato marrom: meia marrom. Sapato caramelo: meias marrom, manteiga ou café com leite. Tênis: meia soquete branca. Meia soquete branca, só com tênis. Mesmo que você sinta uma vontade incontrolável de usar aquela meinha que mamãe lavou e deixou branquinha, que o sapatinho fique chamando a meia alvejada, NÃO use.


Calças - jeans sempre fica bem. Do seu número. Não vá comprar um número maior porque a barriga está apertada: PERCA a barriga. Bofe bem NÃO tem barriga. Faça dieta, diminua a cerveja, vá à academia, faça cirurgia de redução do estomago, faça qualquer coisa, mas livre-se da barriga. (Isso é coisa da Rô, eu não sou tão Radical) Também não serve número menor, mesmo que você tenha a bunda mais linda do mundo. O jeans vai ficar apertado, no melhor estilo Deus-é-justo:



Calças de tecido, sem pregas na cintura, são tuuuudo de luxuoso! Chique, elegante e muuuuito sexy. Não esqueça: bofe bem NÃO tem barriga, por isso pode usar calças sem pregas. Até para compor os ternos as calças tem sido feitas sem pregas. Segue valendo a dica de escolher a cor de acordo com o seu tom de pele.

E a combinação é a seguinte: calça preta: sapato preto; calça marrom: sapato marrom ou caramelo; calça marinho: sapato preto; calça manteiga ou caqui: sapato marrom ou caramelo; calça verde-oliva ou militar (nem pense em usar verde-menta/folha/bandeira, ou qualquer outro tom de verde): sapato marrom, preto ou caramelo; jeans: qualquer cor de sapato, desde que o modelo seja esportivo e a meia combine.


(continua...)



(Por Rô e Ticcia)
por Ticcia, às 01:12 de 23.11.2003 - Categoria: MPB2
Ver Comentários

22.11.2003

Na Zero Hora Dominical (jornal de Porto Alegre), Caderno Donna (onde publica o LVF),

MEGERAS MAGÉRRIMAS


Ticcia





Tem até fotinhas. Não percam. Cliquem aqui. O cadastro é facinho.

por Ticcia, às 17:35 de 22.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

- Amor, tu não achas a Bárbara linda?
- É bonita. Mas é pêra.
- Como assim?
- Ombros estreitos e quadril largo.
- E eu?
- Tu é mignon.
- Mignon-pêra?
- São excludentes Roberta (o uso do nome denunciando a perda da paciência): pêra é pêra.
- Ah!
por Ro, às 16:37 de 22.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

21.11.2003

ROUPA USADA
(Baseado em fatos quase irreais de tão absurdos)

A Falzita já falou da dificuldade que tem para colocar tudo, principalmente roupas, fora. Pois bem. Imaginem a cena.

Você, mulher despreendida dos bens materiais, resolve, num arroubo de disposição e lucidez, dar uma geralzona no guarda roupa - dessa vez não para reformá-lo, mas para esvaziá-lo das tralhas acumuladas nos últimos séculos.

Pensa bem no que vai mexer e decide que vai ser só da era mesozóica pra cá, que é pra não doer tanto. As camisetas do Grupo Escolar Conceição e o vestido da crisma ficam.

Aí você começa a por a mão naquelas calças jeans semi-bag, vestidos balonê, calças fusô com alcinha no pé, collants de ginástica fio dental amarelo limão e etc. Ótimo. Tudo junto bem dobradinho deu três grandes sacolas de viagem.

Pensa em dar para uma instituição de caridade, mas pensa que os desvalidos do mundo, com aquela roupichas vão ficar, além de desvalidos, bregas. Pensa em pôr no lixo. Desperdício. Imagina, tem roupas inteirinhas e em excelente estado de conservação (principalmente o collant, que você nunca usou). Aí seu querido esposo (namorado, pretê, ficante, rolo) sugere que levem até a casa da sua querida sogra, que por sua vez conhece uma querida costureira pobre que pode reformar as roupas e aproveitá-las pros filhos. Tá. Você concorda, já quase desistindo de se desfazer daquelas relíquias de inestimável valor sentimental.

Na casa da sogrinha querida, a cunhada mais querida ainda chega na hora que você está obtendo as informações necessárias para desovar os seus paninhos. A cunhada pede pra dar uma olhadinha. Em minutos a sua história contada em tecidos, babados e franzidos está esparramada pela sala. E a cunhada vai tirando e vendo o que ela quer, o que ela não quer, o que ela acha brega, o que ela acha horroroso. Você aguëntando no osso do peito. Até que, como uma tragédia grega, o episódio chega ao cume de dramaticidade:

Ela tira uma calça jeans de um número que você não ousa declinar de dentro da sacola e sua sogra diz Tá inteirinha, pega pra ti e ela responde Tá loca? Ta pensando que eu sou uma baleia?!


"Cadê a minha malha de aeróbica?"


Então você olha para aquelas duas infames, conspurcadoras de guarda-roupa, arranca delicadamente as roupas das mãos delas e diz:

"Me decidi. Vou doar tudo pro circo, o que não servir para as elefantas, serve para fazer remendos no toldo."


Ui! Vou ficar linda no vestido balonê.

por Ticcia, às 11:56 de 21.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

20.11.2003

Da Série POESIA, uma ova!

Ele me acha linda, ele mal me olha,
ele me diz que quer casar,
ele chove, mas não molha.

Ele tem esposa e filhos, ele é poeta,
ele me dá calafrios, ele quase sempre diz a coisa certa,
mas noutras erra feio.

Ele é selvagem, ele puxa a cadeira no restaurante,
ele é bacana, ele faz o estilo distante,
ele me convida para uma viagem,
mas depois desiste por falta de grana.

Ele se formou em direito, ele detesta mocotó,
ele me olha de um jeito, ele se veste que dá dó,
ele é o melhor amante do mundo,
mas depois me deixa só.

Cada vez mais me convenço
que a solução pra minha vida
é fundar uma cooperativa.



Viemu participar da CooperTiccia!

por Ticcia, às 14:44 de 20.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários


Gurizada, a minha rotina semanal é a seguinte: acordar cedo, assistir à aula e mergulhar nos processos até Deus sabe que horas. Este é o motivo pelo qual preciso ir à Universidade montada.
Entro em aula de terninho goiaba, blusa goiaba combinando e scarpin chanel caramelo. Primeira observação:
- E aí Robertinha, fantasiada de sorvete de morango!

Alguém pode me explicar porquê as pessoas olham pra mim e, ato contínuo, pensam em COMIDA?
E nem era rosa-morango!!! Bofe uuuóóóóóóóó.
por Ro, às 13:50 de 20.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários



No proximo domingo,

Notícias Estarrecedoras!


por Ticcia, às 09:28 de 20.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários


O Lord adormeceu com a cabeça no meu peito e a mão enroscada na minha barriga (não é barriga, bebê. é o teu ventre). Tento vencer o sono para olhar ele dormir. É tão bom!
----------------------------

Em ti tenho o jardim salpicado de esperanças. Sou toda flores e arbustos e me sustento da seiva da tua carne. Em ti tenho o perfume das galáxias ainda não descobertas e desde há muito desejadas. Sou cítrica e amadeirada e sobrevivo do cheiro da tua pele. Em ti tenho a imensidão do subterrâneo e a profundidade do que não é perceptível a olhos não treinados. Sou o suor que brota nos teus poros e escorre maremoto até teus testículos. Em ti tenho o corpo sagrado que me liberta. Sou calmaria e mansidão e descubro no castanho dos teus olhos a escondida mulher amada. Em ti tenho a assustadora visão da fêmea que se enxerga bela pelos teus olhos.
por Ro, às 02:02 de 20.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

19.11.2003

- Moça, me vê uma fatia de torta. Uma não, duas. Melhor, três fatias de torta, por favor.
- Pra levar?
- Não, pra comer aqui.
- A senhora vai comer as três?
- Vou. POR QUE?
por Ro, às 01:28 de 19.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

18.11.2003

Uma Estranha no Ninho
ou Parente é Serpente


Você é uma moça de sorte (ou não) e seu namorado é do tipo família-vou-te-apresentar-pra-minha-mãe. Até aí, morreu neves, nada demais, você até está achando ótemo, que lindas intenções, quer casar e ter 12 filhinhos a cara dele. Guti-guti.

Só que o Sem Noção em vez de te convidar para almoçar em território neutro qualquer dia desses e apresentar mamãe e papai, inventa de te levar a um almoço dominical comemorativo ao aniversário do primo compositor-fracasso, bodas de marfim da tia Evelina, casada com um capitão do exército reformado que foi do DOI-Cod, e primeira comunhão da Ceci, irmã de criação da madrinha do seu bofinho, tudo a se realizar no sítio do Vô Tito, que está completamente esclerosado.


Que família adorável!!


Ele passa pra te pegar às 9:30 do domingo e a sessão de tortura se prolonga até mais de 5 da tarde. Durante esse rolê pelos vários círculos do inferno de Dante, você deu consultas de graça (até essas a família todinha já sabe que você é advogada, ou médica, ou dentista, ou professora de português, ou qualquer coisa, porque parente é assim mesmo, folgado), teve de explicar como é que aquele piercing foi parar ali, se dói, se não dói, ouviu a história de quando o seu namorado comeu tanto amendoim que vomitou no padre e foi para o hospital, agüentou um tio emprestado bêbado falando dos seus atributos estéticos e da paixão que o sobrinho tem por você, do menino de ouro que você está namorando, teve que limpar a sua calça novinha que a filha da sua cunhada colou chiclete, recusou trinta tipos de sobremesa, fingiu que comeu carne para não ter que explicar que é vegetariana, discorreu sobre toda a sua árvore genealógica (inclusive inventou parte dela para causar choque na família, coisa do tipo antepassados do Congo ou da Tanzânia) e procurou por diversas vezes a saída de emergência, o desmaterializador, o teletransportador do Dr.Spok, o botão de ejeção, rezou para que estourasse a terceira guerra mundial e a primeira bomba fosse lançada sobre o Sítio do Cara de Pau Amarelo, tudo sem sucesso.


Uma bem aqui, por misericórdia!


Depois que, aparentemente por milagre, você consegue sair do manicômio e estar a sós com aquele que deveria ser seu namorado, ele está impregnado da família. Você olha pra ele e vê o Vô gagá, o tio bêbado, a madrinha chata, a sobrinha mal-educada, a ambrosia que você comeu por puro auto-flagelo e quer esgana-lo, embarca-lo num container pra Bósnia.


Boa viagem, mizifio!


Faça um favor pra você mesma. Quando pintar um convite desses, diga que não dá. Diga que você tem que depilar as pernas com pinça, que tem que levar a periquita da vizinha no veterinário, que tem que dar uma palestra sobre os malefícios do açúcar na alimentação dos eqüinos, mas NÃO VÁ.

Se você é um namorado consciente, não faça nem aceite esse tipo de convite pois PARENTE É SERPENTE sempre, os seus e os dela.

Para a gente encarar uma dessas, só depois de casados e com as respectivas carteirinhas da FUNAI. A gente quem, cara pálida?


Pegue sua carteirinha e venha
fazer um programinha!


por Ticcia, às 19:03 de 18.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Receita de sobremesa:

Derreta uma barra grande de chocolate ao leite. Lave bem os morangos, de preferência, substanciosos (não esqueça de retirar as folhinhas verdes). Besunte o bofe com o chocolate.
Coma alternando, mergulhar o morango no chocolate e levá-lo à boca com lamber o chocolate.
Funciona, eu garantiu!
por Ro, às 14:25 de 18.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Histórias de dieta 1:


Ela chegou da repartição às 8. Podre. Podre. Podre. Botou as meninas na cama. Trocou a areia da gata. Tomou banho. Jantou sozinha.

Ele chegou às 10 e meia. Sem chave. Ela desceu pra abrir a porta pra ele. Ele não respondeu ao "oi". Ele disse:

- O tal regime não está funcionando, não, né? Você não emagreceu nada.

Ele beijou as meninas que dormiam. Tomou banho. Já tinha jantado na rua. Leu na cama. Dormiu antes do Jô.

Daí ela desceu e mamou uma lata de leite condensado. Os pés frios no chão da cozinha. Dormiu sem sonhos.
por Fal, às 11:25 de 18.11.2003 - Categoria: Dieta
Ver Comentários

17.11.2003

Ode a LFV



Veríssimo é um Picasso das letras. Assim como Pablo pintava, esculpia, fazia objetos em cerâmica, variava de técnica como quem trocava de roupa, atacava no gol, armava o meio de campo e cruzava para ele mesmo cabecear, Luis Fernando escreve crônicas políticas de crítica afiada com uma visão que antecipa os fatos em alguns anos, crônicas de humor escrachado, ou sutil, ou de pura emoção. Pra resumir, ele escreve crônica sobre o que quer que seja e é tudo ótimo: de unha encravada a filosofia. Desenha tirinhas maravilhosas (ai, que saudade das cobras!), escreve romances que são uma delícia, teve suas histórias adaptadas para o cinema, para a TV e ficou tudo uma beleza. Até poesia ele escreve! E, como se não bastasse, toca saxofone. Alguém conhece um escritor dessa versatilidade e competência, hein, hein? Alguém lembra de alguma besteira que ele tenha escrito? Nananinanão.



Além de tudo, é uma figuraça. Pela prole, a gente deduz que seja um paizão dos mais competentes. Pelo sorriso da Lúcia, um marido de primeira. Por tudo que se sabe e se lê, um ser humano na real acepção do termo. Quase não fala, mas olhar pra ele dá uma vontade imensa de encher de beijo, de pedir a bênção, de se oferecer pra exercer qualquer função que lhe seja útil, de calço de porta a copeira, moto-girl para buscar toner ou papel para a impressora, fazemos qualquer negócio.

Imagino a maravilha que seria poder espiá-lo digitando seus textos, parando pra pensar, desenhando a Família Brasil, ficar num cantinho ouvindo a seleção de jazz que ele escuta enquanto trabalha, ou assistir aos ensaios do Jazz 6. Quem sabe, depois de ter alguma intimidade, eu pudesse pedir uma dica de leitura ou outra, assim como quem não quer nada, um CD emprestado, uma sugestão de colocação de pronome num texto, e arriscar que um dia ele olhe pra mim e diga:

Tíccia, DÁ PRA CHEGAR MAIS PRA LÁ QUE TU ESTÁS ME ATRAPALHANDO?

Ui! Seria a glória.
por Ticcia, às 14:11 de 17.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Eu e Tíccia fomos ver e ouvir a Maria Rita.




É reconhecido no meio cultural brasileiro que se o cara for aceito em Porto Alegre as chances de conquistar o resto do país são boas. Portanto, imaginem uma arena.
Dava para sentir a ansiedade no ar. A platéia em expectativa tensa; aguardava-se um espetáculo à altura das batalhas gloriosas do passado. Nenhum deslize seria perdoado. Cochichos baixos eram ouvidos: será mais uma fraude? pura mídia! já ouviste? parece, né?
Ela entrou no palco toda de negro. A saia longa, com um babado largo na ponta que quando ela caminhava deixava entrever outros dois babados submersos, amarelo e vermelho. Pés descalços. Menininha sai do portão, ela cantava. De inicio nervosa. No meio da primeira música, aplausos. No final da primeira música, gritos.


Pétalas de tulipas negras.


A emoção da platéia, e a dela, são precisamente indescritíveis. Só um gaúcho sabe o quê significa ouvi-la cantar em Porto Alegre. No refrão de Pagu ela canta "minha mãe é Maria alguém". O teatro explodiu em ovação.
Tíccia já referiu aqui que ela é roliça. É. E é linda também. Tem carnes, tem ancas, tem leveza, tem graça. E voz. Mais grave que a da mãe. Os agudos saem limpos. O corpo se inclina pra frente quando canta, os braços balançam junto aos quadris.
Foi a comprovação empírica do quanto pesa a genética.
-----------------------------------

Detalhes sórdidos: o Veríssimo estava respirando o mesmo ar que nós. Tíccia enlouqueceu, não parava de falar: "olha a carequinha dele, que liiinda!". Sério risco dela se jogar em cima do vivente. Uma vergonha! Nunca mais vou a espetáculos com ela.
por Ro, às 02:08 de 17.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

15.11.2003

Terminar aqui uma ova!

Todos são testemunhas de que a se dizente amiga tá fazendo de um tudo pra afastar o Bofe Bem Padrão - BBP - da Megéra Magnifica que vos escreve.

Duelarei com quem ousar se meter entre mim e Ele, até a morte.


Henrique, o meu e-mail é arabiane@hotmail.com, e o meu telefone é 33613747.
A história tá começando aqui, queridinhaaaaa!
por Ro, às 16:45 de 15.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Isso começou aqui e, no meu modesto modo de ver, tem que terminar aqui.

Num oferecimento Megeras Magérrimas Incorporation (por que a gente incorpora mesmo), segue o texto do maravilhoso, insofismável, gostoso e inclassificável Henrique, postado originalmente no Zazoeira.


"Mulher, coisas que só um homem frouxo pode fazer por você:

- Com a lista em mãos, ir no supermercado sozinho, fazer toda a sua compra, pagar sem reclamar o preço três vezes mais caro que a marca A tem em relação à marca B, chegar na sua casa, descarregar e guardar toda as coisas, dobrar as sacolinhas e colocar na área de serviço e por fim ainda pedir desculpa por que se esqueceu do absorvente.

- Chegar mais cedo que você do serviço, comprar aquele tempero que você adora mas ele não gosta muito, preparar um jantar a dois muito do rômantico e depois jogar tudo fora com a maior convalescença por que você chegou cansada, com dor de cabeça e ainda ouvir de você "Nem adianta vir com jantarzinho e depois sexo que hoje eu quero tomar o meu Valium e desmaiar".

- Te convidar pra um cinema, deixar você escolher o filme ¿ e você escolhe aquele iraniano que ganhou um festival de cinema dez anos atrás e agora volta ao Brasil, e você quer ver por que suas amigas todas já viram e você não pode ficar pra trás - pagar o estacionamento / ingresso / pipoca / refrigerante / bombom e ainda ouvir no fim, "Mas que droga de filme. Por que você me traz pra ver essas coisas, hein? Que perda de tempo. Eu devia ter ficado em casa vendo a novela".

- Ir junto com você na hora de você comprar um carro novo. Não ser ouvido em nenhuma vez sobre a vantagem de tal marca sobre a outra. No fim ver você levar o carro tal só por que ele é mais bonitinho, mais caro e menos potente que os outros. Na hora do parcelamanto, pagar metade da dívida todo mês, não dirigir - afinal carro é seu e não dele - e quando quebrar ou você bater, ainda ouvir de você "Por que não consertou antes? Não posso ficar todo esse tempo sem carro! Mas homem não serve pra nada mesmo." Ele paga o conserto, o mecânico, as peças e ainda te devolve o possante lavado.

- Ouvir tuas considerações sobre a sua péssima vida, concordar que você precisa crescer, evoluir. Tentar dizer que abrir um negócio não é bem assim, tentar te dar umas dicas de gerenciamento que você nunca ouve - por que sabe de tudo. Te ajudar quando você sai do emprego, empregar todas as economias dele no seu negócio. Não poder ajudar do jeito certo por que "O negócio é meu, eu sei administrar". Ver calado tudo indo por água abaixo e, na falência, ouvir de você "Se você tivesse me ajudado mais, isso não teria acontecido. Você não me dá apoio pra nada!"

- Ir com você no shopping, aguentar pacientemente o entra e sai de lojas, o experimentar aqui e ali de roupas. Ouvir de você sobre a roupa que ele menos gostou "Adorei essa blusa, mas é tão cara". Dizer que a roupa fica bonita em você, pagar a roupa sem reclamar, mesmo quando você chega com um outro ítem na mão, logo antes dele passar o cartão dizendo "Vou levar esse shortinho também. Tão lindo e numa superpromoção". Pagar o shortinho que era mais caro que a blusa também sem reclamar. Um mês depois, ver você mexer no seu armário dizendo "Não sei por que comprei essa blusa, não tem nada a ver comigo. E esse shortinho? Me deixa tão gorda!"

- Te mandar um posti e mensagem de agradecimento pelo carinho e lembrança, no fim lhe mandando um beijo mais que do sincero. Depois se justificar com as suas amigas por que o beijo foi único e mandar mais beijos. Depois se justificar com você com mais mensagens por que você não achou o beijo assim tão único e ainda ser chamado de frouxo. E numa atitude de frouxidão, escrever um posti sobre isso e te mandar outro beijo.

Um beijo."


Ele não é o máximo?
Beijos, Ique, tu és um verdadeiro parâmetro de BB. As MM's te amam, frô.


por Ticcia, às 13:13 de 15.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

14.11.2003

Essa história do Henrique ficar aqui se explicando pras gurias, justificando o porquê do MEU beijo, tá me dando nojo! Mandou beijo só pra mim, e pronto. Mamãe tem razão: não existe mulher mandona, o que tem é homê froxô!
---------------------------
Parem de me cobrar! Terminei a cadeira mais pesada do mestrado, portanto, já tá saindo o meu primeiro capítulo do MPB2. Aguardem...
--------------------------
Tíccinha da minha vida, eu ainda te amo. Fal, meu ipê amarelo, estou ficando viciada em ti.
por Ro, às 10:16 de 14.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

13.11.2003

Uia, vamos trabalhar senão não dá, certo? Então, além do DROPS, tem Fal no Tsc Tsc Tsc, todas as quintas, linda e loura, e tem Fal no ATÉ O OSSO falando, hoho, de comida, fias.
Ouçam o blog, comam o disco e leiam o sanduíche.
por Fal, às 16:57 de 13.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

Manual Prático

para Bofes Bem

ou MPB2




Capítulo II - Boas Maneiras (continuação)



Voz - Fale baixo. Baixo. Baixo. Entendeu? Falar alto é incrivelmente feio. Um bofe elegante jamais fala alto, Speak low... como quem prega o cool jazz. Nada de falar como quem está vendendo tomate na feira ou trabalhando de camelô - isso é pra quem está num atrolho de gente barulhenta e tem que vender seu peixe (ou fruta, ou radinho de pilha).



Celular - Ai, isso é problema. Tudo bem, todo mundo, ou quase todo mundo, tem. Mas tudo na vida tem limite, até para ser importante e afetado. Durante o almoço, desligue. Durante o jantar, desligue. Em cinema, teatro, palestra, piquenique, desligue. Durante os momentos íntimos - e isso vai desde a conversa olho no olho até os finalmentes - DESLIGUE. E, por gentileza, só ligue ou só retorne as 467 ligações e mensagens de voz e texto recebidas depois que estiver sozinho.


Não, não nos impressiona bem um bofe que recebe 30 ligações em duas horas, NOS ENCHE O SACO (que a gente nem tem, por sinal). O que nos impressiona (bem) é sentar no restaurante e o bofe tirar o tamagochi do bolso e desligá-lo. Ui! Lindo isso! É como dizer, você é importante e agora eu sou só seu.



Se você estiver esperando uma ligação urgente, do tipo sua vó está com nove meses de gravidez e pode parir a qualquer hora sêxtuplos, avise que está esperando uma ligação importante, peça desculpas e deixe no silencioso. Quando tiver que atender, peça licença, SEJA BREVE E FALE BAIXO. Isso vale para qualquer ocasião, EXCETO os finalmentes. Se sua vó está na maternidade, vá lá fazer plantão; não vá aos finalmentes. Ainda que o telefone só pisque ou faça bruuuuuummmmmm, a gente fica tentando encontrar o botão de EJECT (do imbecil).


Ligação telefônica - Você liga para a moça, no celular, porque você é um cara sortudo e ela te deu o número. O que é a primeira coisa que você pergunta? Hã? Hein?


a) Oi, tudo bem?

b) Onde você está?

c) É a Fulana?


NENHUMA DAS ALTERNATIVAS!!


Você diz: Oi, Fulana, é o Beltrano. Você pode falar?


Lembre-se, é um celular. A moça pode estar no trabalho, no cabeleireiro, na cama com outro, no trânsito, no Gre-Nal, numa aula de contorcionismo do circo de excentricidades. Certifique-se de que não está sendo inconveniente.



Gentilezas -Ela jantou com você? Ligue ou mande um mail agradecendo. Não dói, o dedo não gangrena. Não, ela não vai grudar em você que nem merda em tamanco só por causa disso (se grudar é psicopata e você já fica sabendo com quem está lidando).


Ela o convidou pra jantar na casa dela? Leve o vinho. E sempre, em qualquer ocasião, sem ocasião, dê flores - é lindo, lindo, lindo e a gente adora.


Se você saiu com ela, o mundo é cor-de-rosa meu amigo. Nada de xingar no trânsito, de reclamar do manobrista, de ficar impaciente com o garçom, e muito menos nada de reclamar da comida ou do filme ou da música ou dos freqüentadores do lugar que ela sugeriu. Mate no osso do peito, seje hômi. O programa tava uma bosta? Não a convide mais pra sair ou escolha você o que fazer, mas nunca, NUNCA, NUNCA reclame com ela a respeito. Se ela constatar o erro na escolha, a menos que se trata de uma situação kafkaniana que mereça providências imediatas como polícia ou procon, diga que não tem problema algum, que o que vale é a companhia. Solidariedade no momento da saia justa é tudo de bom.

por Ticcia, às 11:21 de 13.11.2003 - Categoria: MPB2
Ver Comentários

Fui visitar minha tia avó.

Ninguém te faz sentir tão linda quanto uma tia avó, inda mais se ela for da seicho-no-ie, sabiam?

Dona Enelsina me disse "Ah, filha você está tão linda, forte, bonita, corada!".

Minha doce tia avó, dona Enelsina, dona dos mais belos olhos azuis, me acha linda. Forte. Bonita. Corada.

Linda e bonita, na mesma frase.

Forte e não gorda, entenderam?

Ah, e corada também.

Sai de lá me sentindo no céu, passei a tarde inteia me sentindo ótima.

Depois, evidentemente, cai na real, mas enquanto durou foi maravilhoso.

Adoro a minha tia avó.

Beijos pra todo mundo, menos pro Ique.
(vinguei a gente, Ticcia)
por Fal, às 01:08 de 13.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

12.11.2003


Então é assim, ó:


Comecei a dieta ontem. Ao contrário do que as pessoas pregam e recomendam, eu não começo radical e depois vou soltando as rédeas. Nananinanão. Isso é coisa para pessoas convencionais e ortodoxas.

Eu sou a heterodoxidade encarnada megera. Eu me permito umas escapadinhas nos primeiros dias, uns docinhos, uns agradinhos, para eu ir assimilando que o mundo tá ficando mais feio um pouco, que a vida tá ficando difícil e o organismo se acostumar, tá ligado?


É a minha técnica descompressão, melhor dizendo,

com-pressão progressiva.


Ontem, por exemplo. Tomei um iogurte light de café da manhã, comi uma barra de cereal às 10, almocei um bife grelhado, salada e uma colher de arroz, comi bolachinha no meio da tarde, cheguei em casa e tomei outro iogurte. Me comportei otimamente bem até o jantar.

Aí comi um boi.




Tá servida?


por Ticcia, às 23:30 de 12.11.2003 - Categoria: Dieta
Ver Comentários

De Henrique para Roberta: "Um beijo enorme pra você (esse é só seu, não divide com a Ticcia ou a Fal não! :-P )".

Ganhei beijo Dele, só pra mim. É o auge! Depois disso: decadência.

por Ro, às 21:25 de 12.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

11.11.2003

Manual Prático

para Bofes Bem

ou MPB2




Capítulo II - Boas Maneiras


Não, não fede a mofo. Não, não dói. Educação é questão de estilo e faz muito bem, obrigado. Quanto mais naturais e incorporadas ao normal de ser melhor, mais atraente, mais sexy e mais elegante. Puxar a cadeira ou abrir a porta do carro com um sorrisinho "olha como eu sou excepcionalmente gentil" é pior que não fazer nada. A atitude tem que ser natural como respirar, uma coisa "não poderia ser diferente", sacumé?


Talvez você, bofe tolinho, que acredita em Papai Noel, coelhinho da páscoa e em que mulheres muderrrrrnas não gostam de ser paparicadas e cercadas de gentilezas, ache as dicas um tanto quanto demodês. Não são. A gente fica impressionadíssima quando nos deparamos com um espécime genuíno de Homus Educadérrimus.




-Trouxe um presentinho.



Vam'lá.


Geral - Abra as portas por onde ela vai passar, lembre-se que ela entra e sai primeiro de sala, elevador, quarto, qualquer lugar. No carro é diferente, abra a porta para ela entrar, mas na hora de descer, saia antes e dê a volta no carro para recebê-la ou ajudá-la a descer. Ao caminhar ao lado de uma mulher pela calçada, posicione-se do lado de fora, ou seja, ela fica no canto, você fica entre ela e os automóveis. Crasse, fio, isso se chama CRASSE.




São Connery

padroeiro dos homens de crasse



Restaurante - Puxe a cadeira para ela sentar. Se o garçom idiota e mal adestrado entregar o menu antes pra você, passe para ela. Se ela pedir que você sugira o que pedir, just do it. É tudo de bom um bofe que tem preferências declaradas e não fica em cima do muro dizendo, "ah, cequessabe, bem...", mas dê duas sugestões: uma pensando mais em você, outra pensando mais nela.


Agora uma coisa que eu sei que é difícil, mas é tão educado!: procure terminar de comer junto com ela. Se não conseguir, espere que ela termine e só então sirva-se novamente. Pega suuuuper bem.


A hora da conta. Pois é. Assim, ó: ofereça-se para pagar (se você tiver como caso ela concorde, claro). Possivelmente ela vai querer dividir e, se esta for a sua real intenção, aceite, não tem problema nenhum, e divida a conta POR DOIS. Nada mais chato que ficar discutindo quem paga o que, quem tomou o que, de quem era o prato mais caro: É DE ÚLTIMA. Exceção feita ao caso em que a diferença seja aberrante, do tipo você tomou uma água mineral e ela comeu bacalhau e bebeu Möet & Chandon. Se você quiser fazer a gentileza de pagar a conta, não pergunte nada e pague. Se ela pedir para dividir, seja firme e educado "Faço questão" e encerre o assunto.




- Eu acho isso de boas maneiras

NADA A VER.



(segue...)


Clique aqui para ver o prefácio do MPB2

Clique aqui para ver a primeira parte do Capítulo I

Clique aqui para ver a segunda parte do Capítulo I


por Ticcia, às 18:18 de 11.11.2003 - Categoria: MPB2
Ver Comentários

Setembro de 2003: comprei pra Tíccia, num sebo, O Jardim do Diabo. Porto Alegre: MPM Propaganda, 1987.

Novembro de 2003: comprei pra Fal, na Feira, O Jardim do Diabo. Porto Alegre: MPM Propaganda, 1987.

Alguém mais quer a primeira edição do "O Jardim do Diabo"?

* * * * * * * * * * * * *
Fiquei conjeturando uma probabilidade projetiva hipotética do Henrique responder positivamente essa pergunta (a possibilidade é tão absurdamente remota - ele deve ter todos os livros do LFV - que cogitá-la beira o ridículo) e qual seria minha reação.

Opção A)
23ª Barraca, 49ª Feira do Livro de Porto Alegre:
- Moço, tem O Jardim do Diabo?
- Bá, acabou de sair.
- O quê!!! Manda buscar outro. Já!
- Era o último.
35ª Barraca:
- Tchê, não tô achando O Jardim do Diabo no balaio?
- Já foi vendido.
- Tá brincando. Eu PRECISO desse livro; é questão de vida ou morte.
43ª Barraca, enxergo o livro de longe com minha visão laser MM poderosíssima:
- É MEU!
No meio da loja central dos Correios e Telégrafos sinto um leve incômodo decorrente de minha atitude torpe, explorando a boa-fé da balconista. A sensação é passageira e saio com a firme convicção de que o fim justifica os meios.
Na Varig aceitam cartão de crédito e esqueço minha consciência dando pulinhos.
São Paulo, 08hs, terça-feira. Meu coração é a bateria da Viradouro tocando funk, as pernas são gelatina de morango e a tremedeira denota um quê de Parkinson. Ele abre a porta de jeans, pés descalços e uma toalha branca no pescoço. Os cabelos molhados e ar de pressas nos olhos:
- Pois não?
- Henrique Gaspar?
- Eu mesmo.
- Sedex pro senhor. Tem que assinar aqui e colocar o número da identidade.
- Pronto, obrigado.
Fecha a porta devagar. Com a benção de Apolo, ele tem olhos liiiiindos!

Opção B)
Na recepção do Hospital de Pronto Socorro, Tíccia entra apressada e brada com a atendente sonolenta, segurando-a pelo colarinho:
- Moça!!! Um médico, depressa! Minha amiga louca tá ensangüentando todo estofamento do meu carro NOVO!!!
por Ro, às 12:24 de 11.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

10.11.2003

A DURA REALIDADE

Eu, Rô e Júlio na Creperia O Francês ontem à noite. Eu já me sentindo balofa há dias, tendo em vista o meu total descontrole por doces e sorvetes e filés e massas e qualquer coisa comestível. Na mesa ao lado, dois casais.

Na hora que eles se levantam para ir embora, eu pergunto para os meus companheiros de gula se eu estou mais magra ou mais gorda que uma das moças (mulheres tem essa mania de perguntar se estão mais magras ou mais gordas que fulaninha, se a bunda é maior ou menor que a da cicraninha e assim por diante).

Júlio e Rô dizem que eu sou mais alta. Não era essa a pergunta.

Tu és maior, Ticcia. Sim, eu sei, mas não era essa a pergunta.

Silêncio.

Mudaram de assunto.

Conclusão:

SIM, EU TÔ MAIS GORDA QUE A MOÇA QUE EU ACHEI BEM GORDA.


Cacete. Odeio gente sincera.

por Ticcia, às 12:50 de 10.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários


Sábado à noite, piNto esteve no covil. Vai lá ver o quê o rapaz achou das Megéras Magérrimas.
por Ro, às 10:20 de 10.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

08.11.2003

Tese Comprovada




A Rô já tinha dito iso, quem é MM's de carteirinha sabe, e ontem foi a consagração definitiva da tese.

Ticcia saindo da feira do livro, depois de ter tomado chopp e comido batatinha com Ane Walker, Menina Má e Daniel, vai rumo ao seu apê a fim de tomar um banho e transformar-se na deusa da Bagasexta (a festa de sexta à noite daqui), passa por um ponto de táxi e ouve -"GOSSSSSSTOSA! COMUÉQUEU TÔ NESSAS CARNE?"

Cheguei em casa, coloquei um vestido solto com short redutor de nylon por baixo e firmei convicção: a dieta começa segunda. De novo.


por Ticcia, às 11:22 de 08.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

07.11.2003

Enquete

Sábado à noite, piNto será recebido no covil das Megeras Magérrimas, em encontro íntimo. Pergunta-se: o quê devemos fazer com ele?
por Ro, às 01:33 de 07.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

06.11.2003

Na segunda visita da Roberta à 49ª Feira do Livro de Porto Alegre...



Saindo do mestrado, fui almoçar com o colega Evandro, no Bistrô do Margs (para uma Megéra, o cardápio é inconfessável). Após o cafézinho, resolvemos dar uma voltinha na Feira.
Antes do relatório, um pequeno esclarecimento prévio: passear pela Feira do Livro com o Evandro foi uma experiência quase mística. Ele fez comentários inteligentíssimos e gosta de Verlaine e Florbela Espanca, mas ficou hooooras folheando o best seller do Dr. Bayard Ficher Santos, O Pênis no Divã.



P. S.: Aliás, no quesito bofes bem, Caxias do Sul é ponta de lança, começando pela chefia.

Vamos ao relato:
Júlio Cortázar, Todos os Fogos o Fogo: R$ 10,00;
Sófocles, Édipo Rei: R$ 5,40;
Hilda Hilst, Cantares: R$ 24,00;
Edith Hamilton, Mitologia: R$ 36,00;
Pedro Henrique Poli de Fiqueiredo, A Regulação do Serviço Público Concedido: R$ 15,00;
Alexandre Mariotti, Teoria do Estado: R$ 10,00;
Mais duas revistas da Faculdade de Direito da UFRGS, por R$ 10,00 cada uma. E ainda vou buscar o tijolão do Canotilho, pela bagatela de R$ 380,00.



Na sexta-feira, com a Tíccia, eu já havia gasto uma pequena fortuna. Estou SENTINDO que pedirei falência antes do final do mês.


(Post originalmente escrito pela Rô, postado pela Ticcia, por problemas técnicos)
por Ticcia, às 18:22 de 06.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários


Ser uma Megera Magérrima é:

Ser a advogada do ex-marido na ação de divórcio consensual em que você é parte (e não cobrar honorários advocaTíccios).

Atenção homens do meu Brasil varonil: em breve estarei livre para receber pedidos de casamento.


por Ticcia, às 12:36 de 06.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

05.11.2003

Ô Rô. Tenha dó. Dá. Pra ele comer.

hahahahahahahahaha. Quanta besteira.

Uia, neuróticas do meu Brasil varonil: o lindo, fofo, gostoso e competente Cláudio Luiz me mandou um trequinho em power point sobre as cores dos alimentos. É muito legal e instrutivo. Quem quiser, tem que mandar uma carta de amor pra mim, preu reencaminhar, pruque eu não sei botar aqui, certo? Ah, e ele ainda disse: "pra incentivar a sua dieta pq a Ticcia não precisa". Me chamou de gorda, o cachorro. Mas tudo bem, tou acostumada.


Escrevam, flores:

/>dropsdafal@uol.com.br

por Fal, às 23:05 de 05.11.2003 - Categoria: Dieta
Ver Comentários

Lord vai jantar lá em casa hoje. O que dar para ele comer? Sugestões neste blog, please.
por Ro, às 17:41 de 05.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

04.11.2003

Manual Prático

para Bofes Bem

ou MPB2




Higiene (continuação do Capítulo I)


Pés: não é porque os pezinhos ficam lá embaixo, no hemisfério sul do corpo, que podem ser esquecidos. Uma das piores coisas da face da terra é chulé. Sim, nós sabemos, é coisa comum e recorrente, mas nada que lavá-los bem, cuidadosamente, com sabonete e água quente, usar um talquinho especial para evitar cheirinhos não resolva, ou melhore muito. Outra coisa são as unhas dos pés. Pelamordedeus! Como tem homem que esquece de cortar as unhas dos pés! Ficam parecendo pterodátilos. Podem as unhas, rapazes. Já pensaram no embaraço de estar lá no bem bom e tirar um bife da canela da moça com a unha do dedão!?

É expulsão na certa.




Tenho preguiça de cortar

as unhas dos pés...



Pêlos em geral: Há mulheres que preferem lisinhos e peladinhos e há as que não resistem a um peito cabeludo, mas uma coisa é certa: se você pertence a uma classe, não tente migrar para a outra contrariando a sua natureza. Se você é peladinho e lisinho, não tente implantar pelinhos, nem na cabeça, muito menos em outros lugares; na cabeça fica parecendo uma plantação de cebolinha. Ridículo.


Se você é peludo, e

a) não é modelo-bailarino, nem

b) nadador profissional que disputa medalha olímpica,


NÃO SE DEPILE!

É afetado, pega mal, é coisa de veado.

Se você é efetivamente veado, que que tá fazendo lendo isso, Santa?

Isso aqui é para B-O-F-E-S.




Eu fiz implante de cabelo!




Eu também!



Outra coisa que até é chato de falar, mas se nós nos propusemos a dar dicas de higiene, lá vai:

pêlos no nariz e na orelha: São o auge do nojo.


Corte, arranque, sei lá, livre-se deles. Para isso existe pinça, tesourinha e, me informa um amigo querido e higiênico, até uma maquininha movida a pilha que parece máquina de cortar cabelo em miniatura que dá conta do recado sem dor ou sofrimento. Just do it.


Ninguém merece um bofe que parece que aspirou um espanador ou que tem um ninho de sabiá no ouvido.




Prático e eficiente,

aparador de grama nasal



Espinhas/Oleosidade: Você já deve ter passado da época de ter espinhas, mas é provável que tenha a pele bem oleosa. 80% dos bofes têm. Não é motivo para desespero. É motivo para tratamento. Um dermatologista resolve isso. Consulte.


Se achar que isso é coisa de veado, a gente ajuda. Vá até a farmácia mais próxima, compre uma espuma de limpeza facial para peles oleosas. Tem boas marcas tipo: Loreal, J&J, Nívea, etc. Diga que é pra sua mãe. Não quer? Tá. Tem mais: Eu, MM e ex-esposa exemplar, presenteei meu ex com lencinhos anti-oleosidade que vêm em envelopes práticos. Ele gostou. Dá pra ter um pacote no escritório, um no carro, etc. Ótemos.


Também não? Então lave o rosto várias vezes ao dia. Vocês podem, não mandam a maquiagem ralo a baixo, o que é uma vantagem, mas pelamor da pomba-gira, não apareçam em público com aquela cara banhosa que daria pra fritar um ovo!




Direto da testa,

para o seu café da manhã!



Nosso Amigo: Tá, a gente não quer ensinar o padre a rezar missa. Óquei. Mas nunca é demais chamar atenção para alguns detalhezinhos. Por não terem evoluído biologicamente tanto quanto nós, mulheres, vocês usam o nosso amigo tanto para eliminar urina quanto para ter prazer. Só isso já é o suficiente para acender o sinal amarelo, certo? Muito bem. Seus papais e mamães já devem ter ensinado como mantê-lo limpo.


Só uma coisa: não custa dar uma lavadinha na pia de vez em quando, né? Só sacudir não é suficiente se alguém pretende, digamos, levar um lero mais olho no olho com ele. Claro que você não vai dizer, só um momento que eu vou ali lavar e passar talquinho e já volto, mas mantenha-se alerta e antecipe a situação. Quando não der, não deu, tudo bem, mas queremos deixar claro que pode não ser muito agradável.




O seu é sabor xixi?




Clique aqui para ver a primeira parte do Capítulo I

Clique aqui para ver o prefácio do MPB2

por Ticcia, às 14:33 de 04.11.2003 - Categoria: MPB2
Ver Comentários

Retorno do almoço neste instante. Comi feito um boi. Churrascaria. Vitela, lombinho, picanha, costela e peixe grelhado. Várias porções. De sobremesa: pêra ao molho de vinho, quindão, pudim de maracujá e torta de leite condensado.
E ainda tenho um aniversário no meio da tarde.


Rô, descansando após o almoço.
por Ro, às 14:27 de 04.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

03.11.2003

Da série, imite a Fal que só faz coisa boa: a correspondência secreta...


"Olá, mulher!!

Como tens passado, tens "maltratado" muito o nosso amigo Arthur
(lembram daquele que me trocou por uma fatia de torta?) aí no mestrado? (Pega leve com ele, hein?) Trabalho e oficina, como estao (tens incomodado muito o ricardo lá na pge?)?

Hoje nao dormi tao bem qto ontem... espero me recuperar depois da "ciesta" espanhola. eles almoçam sempre a partir das 1400 e depois tiram uma ciesta até as 1600. todo o comércio fecha das 1400 às 1600, menos os restaurantes... bueno aqui vao algumas notas daqui da espanha... espero que vc goste... (vc poderia me conseguir o e-mail da juliana, nossa colega q está fazendo processo?)

beijos, Renato."



"Burgos (esp.) - (...) Por sorte, trouxemos um pouco de sol à Lisboa e à Madri. no voo, vinho portugues, tap, vino espanhol, ibèria. ambos bons. pilequinho aéreo. (a cia tap é muito boa...) Impressao do trânsito em Lisboa. (...) ... gostosas vao e vem... aparece uma sueca (primeira impressao), com bermudao largo, cheio de bolsos, de tenis de escalda. pele queimada. loiríssima, loiro queimado. apaixono-me. aparência de descolada (quase suja). está para ir pra orly (frança). deve ser francesa... mais mulheres bonitas... bonitas nada!! GOSTOSAS, mesmo... carregam bichos de pelúcia (é um código: concluímos, sao prostitutas de luxo ou "mulas" - gente q leva drogas... - ou as duas coisas...). uma aeromoça da ibéria é belíssima. apaixono-me pela seguna vez... tao bela qto outra da tap, que ficou no solo, em sp... as mulheres diriam que um comissário da ibéria é um gato. (penso que ele pode ser namorado da aeromoça linda... fico com inveja...) conversamos com uma garota portuguesa q está indo a copenhage... simpática ao extremo (extremamente pouco bonita...) estuda lá. diz que uma cidade cara... mais cara do que a suécia... pagou 40 contos pela passagem pra lá (40 euros...). cia aérea pequena, vendas pela internet. "flysnowflakes.com-etc. pedimos o endereço. preços ótimos para estudante... diz que a cidade, cope, é muito legal, museus, parques, noite... quando fala rápido, eles gostam de falar rápido, quase entedemos nada!! falam de um jeito engraçado... (incrível!!: o banheiro, unissex, ao lado de um portao de embarque, tem vista para a pista de pouso... do "trono" posso ver os avioes saindo... há uma fenda enorme na porta do banheiro... a pessoa de fora enxerga quem está "no trono"... terra mater.). o aero porto é algo de feio...

madri- a diferença é notável. aeroporto bonito, mais limpo e organizado... (aterrisagem fácil...) o metro è muito bom... sem sair à superfície, pegamos o ônibus para burgos (3 h de viagem...) Confirmado: na esp. a ceva e o vinho sáo mais baratos do que uma garrafa 300ml de coca. tornar-se um bukowski è muito fácil... todos fumam muito e em todos os lugares... inclusive os jovens... sobretudo eles... à toda hora!!... as espanholas sao bonitas... gostei da atitude de uma morena que entrou no bar da estaaçao de onibus... meio punk. jaqueta preta, de couro, acho. calça jeans algo surrada, azul escuro com manchas pretas. "ODIO", estava escrito às costas, na jaqueta... ("Vou por fogo em tudo, inclusive em mim!!! O meu ódio é o melhor de mim!!!") após 27 horas de viagem ainda sorrimos e rimos bastante..."


-------------------------------------------

Ô vidão, sô!

por Ro, às 23:13 de 03.11.2003 - Categoria: Correspondência Secreta
Ver Comentários

Meu Povo,

Eu e a Rô, depois de passarmos horas analisando as mais recentes pesquisas da Royal Canadian University for Sexual Disturbs Football Club and Inco. , na mesa de um café domingo à tarde, tomando chocolate quente com chantilly, chegamos às seguintes tristes conclusões:

1) Homem bem e inteligente é gay;
2) Homem bonito é burro;
3) Homem inteligente é feio e/ou barrigudo;

4) As exceções às regras acima transcritas são casados.


Conclusão:
LASQUEM-SE AS POLÍTICAS DE BOA VIZINHANÇA. DANE-SE A ÉTICA. VAMOS DESTRUIR LARES. A PARTIR DE AGORA, PESCOÇO PRA BAIXO É CANELA, VALE DEDO NO OLHO E COTOVELADA NAS TETAS. PRENDAM SEUS BODES QUE AS CABRITAS ESTÃO SOLTAS. TEMOS DITO.


-"Vamos lá, garotas!"
por Ticcia, às 14:28 de 03.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários

01.11.2003

SAAAAAAAAAIIIII CAPETA!!!!!!!!!



Os inconscientes que fazem aquela paçoquinha "Amor", agora lançaram um bombom de paçoquinha amor, uma desgraça, 60 calorias cada bombonzinho e vc que comer a caixa toda, várias por dia. Agora a tortura chama: "Doce de Amendoim com Wafer Amor". Tá meu bem?
por Fal, às 10:08 de 01.11.2003 - Categoria: Geral
Ver Comentários